ONG criada por garota aos 6 anos já atendeu mais de 100 mil pessoas
ghibadfa_0.png

Enviado por Fernando Félix (Revista Audácia) a 13 de novembro de 2014

Desde os 6 anos, Beatriz Martins, que mora em S. Paulo, no Brasil, mostrou indignação e desconforto ao ver crianças de roupas rasgadas pedindo balinha no farol, e não se deu por satisfeita apenas com a resposta que seu pai deu, argumentando sobre desigualdade social. A partir daquele dia, com ajuda de amigos e vizinhos e com o apoio do pai, ela começou a guardar todas as balinhas e doces que pôde, no Natal de 2006 eles ajudaram 600 pessoas com todas as balinhas que juntaram ao longo daquele ano.
E Bia (como carinhosamente é chamada), a partir deste pequeno gesto, continuou no outro ano, ajudando mais crianças em seis grandes ocasiões: de volta às aulas, Páscoa, Mês das Mães, Inverno, Dia das Crianças e Natal, realizando muitos e muitos sonhos. Automaticamente a iniciativa foi batizada de “Olhar de Bia” e hoje, com 13 anos, Bia e sua ONG crescem juntas. Somente no último Natal, foram entregues quase 23 mil itens, entre alimentos, brinquedos, aparelhos eletrônicos, roupas e livros, e, segundo Bia, nos últimos sete anos desde que começou juntando as balinhas para as crianças do farol, cerca de 100 mil pessoas já foram impactadas.

http://www.audacia.org/v2/article/pequenos-gestos/